A expectativa com a chegada de um bebê na família geralmente é de muita alegria e emoção. Porém, nem sempre é isso que ocorre com as mães e precisamos falar disso. A mistura de sentimentos causada principalmente pelos hormônios, pode gerar tristeza, angústia e melancolia. A esse período, damos o nome de baby blues, ou blues do pós parto. 

É importante saber diferenciar o baby blues, a depressão pós parto e a psicose puerperal.

 

Baby blues x Depressão pós parto x Psicose puerperal

Diferenças entre Baby Blues, depressão pós parto e psicose puerperal

Além destas diferenças, a depressão pós parto geralmente ocorre em mulheres com histórico prévio de depressão, não relacionado à gestação ou ao bebê. Tem causas orgânicas mais profundas, enquanto o baby blues é causado apenas pelas mudanças hormonais. Por isso é mais passageiro e mais fácil de tratar.

Observem a alta prevalência de blues do pós parto. Então se você é mãe e está com algum destes sintomas, não tenha vergonha ou medo de se expor e pedir ajuda. Não se deixe pressionar pelas cobranças da sociedade e da família. O baby blues é bem mais comum do que imaginamos. Você não está sozinha.

Sentir-se bem é fundamental para o estabelecimento de uma amamentação bem sucedida. O blues do pós parto não é impeditivo da amamentação, mas será preciso ainda mais apoio e atenção da família e de quem está por perto. E claro, precisando de ajuda, conte com uma de nós, consultoras da Aconchego!

Deixe um comentario