Dicas para aumentar a produção de leite materno

Muitos fatores podem interferir na produção de leite materno. Alguns deles nós já falamos, como o uso de bicos artificiais, fatores emocionais, e a pega inadequada. Por isso é preciso uma avaliação certa do que está acontecendo para intervenção correta. Aqui damos algumas dicas gerais:

  • Amamente sob livre demanda. O principal fator envolvido na produção de leite materno é a sucção do bebê. Se estiver tudo bem com a amamentação, quanto mais o bebê sugar, mais leite você irá produzir. Por isso, ofereça o peito sempre que seu filho quiser, mesmo que para uma sucção não nutritiva.

Ciclo de produção de leite materno

  • Elimine o uso de bicos artificiais. O uso de mamadeiras e chupetas leva à confusão de bicos, fazendo que seu bebê recuse o seio e consequentemente diminua sua produção.
  • Beba bastante água. 80% do leite materno é composto por água, por isso é extremamente importante ingerir muito líquido durante a amamentação.
  • Procure uma posição confortável para amamentar.
  • Relaxe e tenha calma. Fatores emocionais estão diretamente relacionados com a amamentação. Estresse, cansaço, ansiedade e outros sentimentos negativos são prejudiciais a produção. Entendemos que o puerpério não é fácil. Por isso reforçamos a importância de uma rede de apoio, pessoas que estejam realmente dispostas a te ajudar, para que você fique inteiramente por conta de seu bebê e principalmente da amamentação. Outros problemas podem ser resolvidos depois.
  • Confie em sua capacidade de alimentá-lo.
  • Contato pele a pele. Estar em contato pele a pele com seu bebê (sugerimos o uso do sling), sentindo seu cheirinho, também ajudará seu corpo a aumentar a produção. Além disso favorecerá que ele busque o seio naturalmente e melhore a pega.
  • Ordenhe seu leite. Após a mamada do bebê, estimule seu seio com massagem e ordenha. Isso fará seu corpo pensar que precisa produzir mais leite, como se o bebê ainda estivesse amamentando.

Em alguns casos ainda será preciso utilizar a técnica da relactação. Por isso, se tiver alguma dúvida em relação à produção de leite materno, entre em contato conosco ou com um profissional especializado de sua confiança. Lembramos que nenhuma dica que damos aqui substitui uma consulta. Cada mãe e cada bebê trazem suas particularidades e merecem atenção individual.

12 Comentarios

  1. Juliana Maria de lucena Moreira-Reply
    18 de agosto de 2017 at 11:43

    Eu fiz cirurgia mamária a 10 anos, eu produzo pouco leite, qnd minha filha nasceu meu peito jorrava, aos poucos eu percebi que a quantidade diminuía, ela dorme qnd mama no peito, comecei a fazer ordenha, comprei até uma ordenha elétrica, eu tiro em torno de 50 ml após ela mamar, e dou oq que tiro com completamente na mamadeira que imita o bico do peito, minha filha está com 3 meses, n largou meu peito porei a produção caiu muito muito mesmo, voltei a tomar o Plasil, eu já cheguei a tirar 120 ml de leite, n sei oq aconteceu.

    • Mônica Almeida-Reply
      20 de agosto de 2017 at 21:12

      Olá Juliana, tudo bem?! Parabéns pelo bebê e pela amamentação! Bom, primeiramente entenda que a produção tende a diminuir mesmo. Aos poucos você não irá notar mais os seios tão cheios como antes. Você está seguindo as dicas deste texto?! Não existe nenhuma mamadeira que imite o seio materno! Elas tentam, mas não conseguem. É preciso avaliar se a quantidade de leite que vc está produzindo realmente não é o necessário, as vezes o seu corpo já adaptou a quantidade que produz a demanda de seu filho, e por isso já não enche tanto, enche apenas o suficiente para satisfazê-lo. Mas se realmente for necessário complementar, utilize outros meios (copinho, colher ou copo de transição bico rígido e sem válvula). Caso queira, marque uma avaliação com a gente ou alguma consultora de sua cidade. Um beijo

  2. Emiliana-Reply
    20 de janeiro de 2019 at 20:12

    Boa noite!
    Minha filha está com 13 dias, quando ela nasceu meu peito tinha bastante leite e hoje percebi que ela não quer largar meu peito, vejo que não tenho a mesma quantidade que antes. Agora ela não largar o peito e quando tiro ela chora muito. Não estou preocupada com o cansaço por ficar horas acordada sim se realmente o que estou produzindo é o suficiente pra ela 😩

    • Mônica Almeida-Reply
      30 de janeiro de 2019 at 09:29

      Olá Emiliana, tudo bem? Parabéns pela filha e pela amamentação! É difícil te falar assim o que está acontecendo sem uma avaliação presencial. Vamos marcar uma consultoria? Você é de Belo Horizonte? Se for entre em contato comigo no 99377-5774, se for de outra cidade procure uma consultora que possa te avaliar ok?!
      Um abraço

  3. marilia-Reply
    26 de agosto de 2019 at 10:35

    minha bebe, esta com 6 meses e ainda ta com 5,500 ela mama mais não muito mais sempre estimulei tirando leite e ela ja come de tudo, o pediatra quer que eu comece coma formula para complementar pois não estou conseguindo tirar muito leite, mais n~]ao queria.

    • Mônica Almeida-Reply
      26 de agosto de 2019 at 10:55

      Bom dia Marília, tudo bem? A quantidade de leite que você retira não equivale a quantidade de leite que o bebe mama. Então fique tranquila, porque na verdade ele mama muito mais do que você consegue tirar. Se quiser entre em contato comigo para agendarmos uma consultoria, seria ótimo poder te ajudar mais, mas precisaria de uma avaliação presencial para entender melhor o que está acontecendo. Um abraço

  4. Bianca Boni-Reply
    14 de outubro de 2019 at 17:25

    Minha bebê tem 14 dias
    Desde o começo eu tenho pouquíssimo leite ela mama mas perde peso então a pediatra me pediu para começar com a fórmula. Como faço para meu leite descer? Já fiz de tudo e nada e queria muito dar o peito

    • Mônica Almeida-Reply
      15 de outubro de 2019 at 15:25

      Olá Bianca, tudo bem? Parabéns pela filha! Já seguiu as dicas que demos no texto? Se ainda assim não tiver conseguido aumentar sua produção, sugerimos que faça uma consultoria para saber o que está acontecendo. Se você for de Belo Horizonte, entre em contato comigo no 99377-5774 para marcarmos um horário, vai ser um prazer te ajudar! Um abraço!

  5. Thays-Reply
    24 de outubro de 2019 at 22:23

    Boa noite! Meu bebe esta com 7 meses e ainda amamento. Eh normal cair muuito a producao de leite? Eu trb fora e fico longe cerca de 10h por dia. Ordenho leite pra deixar pra ele, mas nao estou dando conta…soh consigo tirar no maximo 200ml o dia todo com sorte. Pq ele mama no peito qnd estou em casa…

    • Mônica Almeida-Reply
      25 de outubro de 2019 at 08:53

      Olá Thays, tudo bem? Sim, a sua produção vai acontecer de acordo com a demanda do bebe. Como vc fica fora por muito tempo, seus seios deixam de ser estimulados e a produção se adapta a essa nova rotina. Mas fique tranquila, que é tudo de acordo com as necessidades do seu bebê! Um abraço

  6. Juliana Matheus-Reply
    31 de outubro de 2019 at 09:55

    Bom dia !!! Estou amamentando meu segundo bebê, este está com 8 meses, sempre tive muito leite que amamentei meu primeiro filho até os 4 anos, após retorno ao trabalho, mantenho a ordenha diária do leite e a escola oferece na mamadeira, porém sem a sucção do bebê durante o dia, o leite está diminuindo mesmo com ingestão de cerveja preta, taff man E e muita água, como tenho histórico de grande demanda, acha viável a ingestão do Plasil para aumento da quantidade ?

    • Mônica Almeida-Reply
      4 de novembro de 2019 at 21:57

      Boa noite Juliana, tudo bem? Não há necessidade da ingestão de Plasil não, muito pelo contrário, os estudos nos mostram que a ingestão desse e de outros medicamentos é extremamente arriscado para a saúde do bebê. Inclusive a ingestão de cerveja preta, também é arriscada. O que é indicado para aumentar a produção é a ordenha, ingestão de líquidos, e manter a livre demanda quando estiver com seu bebê. O que acontece é que sua produção se adapta as necessidades dele, e com a introdução alimentar e diminuição das sucções, a produção vai diminuir um pouco mesmo. Mas não significa que não seja suficiente para ele, seu organismo apenas se adaptou a quantidade que ele precisa! Um abraço

Deixe um comentario