Relactação: o que é e quando utilizar

A relactação consiste em uma técnica utilizada durante a amamentação para aumentar a produção do leite materno ou complementar a dieta do bebê. Deve ser utilizada até que se restabeleça uma amamentação correta e consequentemente produção de leite e ganho de peso adequados.

A mãe deve utilizar uma sondinha, colocada em um recipiente (mamadeira, seringa, copinho, etc) com leite, preferencialmente o materno. Nos casos em que a ordenha não seja possível, ou o volume de leite ordenhado não seja suficiente, deve-se utilizar a fórmula indicada pelo pediatra. A outra extremidade será acoplada ao seio materno e inserida na boquinha do bebê durante a amamentação. Por mais simples que pareça, a indicação e o acompanhamento de todo processo devem ser feitos por um profissional capacitado.

 

Quando utilizar

  • Quando o bebê apresenta alguma dificuldade pra amamentar e por isso não extrai a quantidade adequada de leite;
  • Quando o bebê não estiver ganhado peso adequado;
  • Quando a amamentação precisou ser interrompida por algum motivo e a mãe deseja voltar a amamentar;
  • Quando a produção de leite estiver baixa;
  • Mães adotivas que desejam amamentar.

 

Quando a técnica é bem indicada e utilizada da forma correta, as chances de sucesso são muito grandes. Entretanto, a relactação isoladamente não garante o aumento da produção de leite. A sucção do bebê ao seio é o fator mais importante para tal. Por isso, deixe-o mamar o tempo que precisar, quantas vezes quiser. Esqueça o uso de mamadeiras, chupetas e qualquer bico artificial. Além da confusão de bicos, o uso desses artefatos acaba diminuindo o número de sucções do bebê ao seio. Manter o bebê em contato pele a pele por mais tempo possível também ajudará vocês. Ao sentir seu cheiro o bebê se acalma e fica mais apto a sugar. Esse contato também ajuda seus hormônios produtores e secretores do leite a trabalharem. Por fim, fique tranquila, descanse sempre que possível e sinta-se segura! Seu corpo é capaz de produzir todo alimento que seu filho precisa!

 

No vídeo abaixo, a atriz Ingrid Guimarães conta um pouco da sua experiência com a relactação. Assista:

 

Deixe um comentario